POLÍTICA

Ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras tem R$ 3 milhões bloqueados

Ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras tem R$ 3 milhões bloqueados

O ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras Aldemir Bendine teve R$ 3.417.270,55 bloqueados. Ele foi preso na 42ª fase da Operação Lava Jato na última quinta-feira (27). A informação do Banco Central do Brasil (Bacen) foi protocolada no processo eletrônico da Justiça Federal do Paraná nesta segunda-feira (31).
Também nesta segunda, a defesa de Bendine protocolou um recurso de apelação contra a decisão de indisponibilidade dos bens e valores. O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato em primeira instância, decretou o bloqueio de até R$ 3 milhões mantidos em contas e investimentos bancários dos alvos da operação. Nessa mesma etapa da Lava Jato foram presos os irmãos André Gustavo Vieira da Silva e Antônio Carlos Vieira da Silva Júnior. Antonio teve R$ 18.386,81 bloqueado e André R$ 637.285,53.
De acordo com a Justiça Federal, a decisão de bloqueio é enviada de modo simultâneo para instituições bancárias ou de investimentos. Em casos em que o bloqueio é maior que o estipulado, como o do ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras, o excedente é autorizado por meio de decisão judicial. ( Luciano Reis & Metro 1 )

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.