Última Hora

Lavrador estupra cunhada de 12 anos e é preso em Araçás

Foto: Reprodução
Policiais da Delegacia Territorial (DT), de Araçás, cumpriram, na terça-feira (22), um mandado de prisão preventiva contra Antônio Milton Miranda da Silva, o “Tonho da Jega”, de 26 anos, acusado de ter estuprado a cunhada, que tem problemas mentais, em 2015, quando ela ainda tinha 12 anos de idade. A menina ficou grávida.

Segundo o delegado Ariston Tenório Brito, titular da DT/Araçás, Antônio é lavrador e presta serviços temporários em sítios e fazendas no povoado de Pedra Furada, zona rural do município, onde reside com a sogra, a companheira e a menina que foi vítima de abuso, hoje com 14 anos.


Quando houve a denúncia do estupro, foi solicitada prisão de Antônio, que foi negada. Mesmo assim, ele fugiu da região, retornando algum tempo depois, quando tudo já havia serenado. Um exame de DNA, solicitado também à época, finalmente ficou pronto e acabou levando a Justiça local a pedir sua prisão, à qual foi providenciada rapidamente.


O delegado, que acompanhou o cumprimento do mandado, disse que a criança, assim que nasceu, foi entregue ao Conselho Tutelar, que providenciou uma família para adotá-la. O órgão e a secretaria de Defesa Social estão buscando alternativas para ajudar a família, que se posicionou contra a prisão, uma vez que o sustento de todos provinha de Antônio, que também tem um filho com companheira e irmã da vítima. Ele está custodiado na DT/Araçás, à disposição da Justiça.



Da Redação Luciano Reis Notícias, com Polícia Civil

Nenhum comentário

TESTE MONERO TECH