ALAGOINHAS

Prefeito articula ampliação de unidade do Corpo de Bombeiros em Alagoinhas

Foto: Reprodução
O prefeito Joaquim Neto e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente (SEDEA) iniciaram nesta segunda-feira (22) as negociações para a ampliação da unidade do Corpo de Bombeiros de Alagoinhas, que deixará de ser sub grupamento e será promovida a grupamento. A partir da mudança, a cidade passa a contar com a ampliação da cobertura através do aumento do efetivo e estrutura.
De acordo com o secretário Bruno Fagundes, a promoção da unidade representa um fator de desenvolvimento e atração de investimentos para o município. “Atualmente quando uma empresa se instala na cidade, é necessário enviar o plano de incêndio para a companhia de Feira. Lá eles atendem cerca de 60 municípios e esse processo às vezes acaba levando mais tempo”, explicou Fagundes. “Com um grupamento aqui, será mais fácil resolver esses trâmites. Além disso a unidade local passa a ter um incremento de pessoal, equipamento e orçamento, fato que vai melhorar a resposta às demandas da população”, pontuou.
A decisão em favor do município foi articulada em uma reunião entre o titular da SEDEA, o comandante geral do Corpo de Bombeiros, coronel Luiz Telles, o comandante do grupamento de Corpo de Bombeiros de Feira de Santana, tenente coronel José Alberto, unidade à qual o sub grupamento de Alagoinhas está ligado, e o representante da força empresarial do município, José Carlos. Para garantir as melhorias a Prefeitura se comprometeu a requalificação estrutural do prédio onde a sub companhia está instalada.
Além dos serviços em Alagoinhas, o grupamento do Corpo de Bombeiros exercerá a função de polo central junto aos demais sub grupamentos da região. Empenhado para que todo o processo de promoção seja concluído ainda esse ano, o prefeito Joaquim Neto contará com o apoio do deputado estadual Joseildo Ramos.

Da Redação Luciano Reis Notícias, com Secretaria de Comunicação de Alagoinhas


0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.