Relatório do CNJ revela aumento da produtividade do TRT da Bahia - Luciano Reis Notícias
Relatório do CNJ revela aumento da produtividade do TRT da Bahia

Relatório do CNJ revela aumento da produtividade do TRT da Bahia

Share This
Lançado na tarde desta segunda-feira (4) pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o relatório Justiça em Números 2017, que abrange a produtividade de todos os órgãos do Poder Judiciário em 2016, evidencia uma melhora sensível do quadro do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5-Bahia).
 
De acordo com a assessoria do órgão, a melhora é resultado do aproveitamento de recursos humanos e da utilização de novas ferramentas tecnológicas, como Alvará Eletrônico, aplicativo Mobile (JTe), Cadastro de Liquidação e Execução (CLE) e sistema de Gestão Judiciária.
O TRT5-BA reduziu seu estoque processual e sua taxa de congestionamento em apenas um ano. Teve ainda um dos melhores desempenhos no Índice de Atendimento à Demanda (IAD), que mede a variação do estoque processual, comparando o número de processos novos com o número de processos encerrados. Nesse quesito, o Regional baiano alcançou o resultado de 102,1%, quando a média na Justiça do Trabalho é de 98,5%.
 
Além disso, o CNJ afirma que, enquanto houve um aumento médio de 5% no número de novos processos para a Justiça do Trabalho nacionalmente, entre 2015 e 2016, para o TRT da Bahia o crescimento foi de 12% no mesmo período. Além disso, a taxa de congestionamento geral da Justiça do Trabalho aumentou em 1,56%, mas no TRT5-BA a taxa reduziu 5,92%, uma ampla melhora na baixa de processos no regional baiano.
 
Neste último ano, o TRT passou a estar mais próximo à média nacional. O congestionamento na fase de conhecimento (julgamento de processos) tem taxa média de 46% e, no TRT5-BA, de 48%. O congestionamento na fase de execução é de 77% e no TRT5-BA, de 76%. ( Luciano Reis & Bnews )

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad