Seis pessoas são presas pela Polícia Federal por fraudes no INSS na Bahia - Luciano Reis Notícias
Seis pessoas são presas pela Polícia Federal por fraudes no INSS na Bahia

Seis pessoas são presas pela Polícia Federal por fraudes no INSS na Bahia

Share This
Seis pessoas são presas pela Polícia Federal por fraudes no INSS na Bahia

A Polícia Federal prendeu seis pessoas na Bahia na manhã desta quarta-feira (13) durante a Operação Álibi, realizada em parceria com a Coordenação-Geral de Inteligência Previdenciária da Secretaria de Previdência do Ministério da Fazenda. O objetivo da ação foi desarticular um grupo criminoso dedicado a fraudar a Previdência Social.
As prisões ocorreram em Teixeira de Freitas (3), em Nova Viçosa (2) e Porto Seguro (1). Além disso, houve uma prisão no Rio de Janeiro e outra em Betim, em Minas Gerais. No total foram cumpridos oito mandados judiciais de prisão, sendo dois de prisão preventiva e seis de prisão temporária, além de cinco mandados judiciais de busca e apreensão nos estados de Minas Gerais (Betim), Bahia (Nova Viçosa, Teixeira de Freitas e Porto Seguro) e Rio de Janeiro (capital).
O prejuízo já causado pela quadrilha de acordo com as investigações ultrapassa o valor de R$ 2 milhões.
Durante as investigações, a PF descobriu que a quadrilha “recriava” pessoas que haviam falecido na infância, realizando alguns recolhimentos à Previdência Social, sempre em valores próximos ao teto de contribuição, criando, assim, a condição de segurados. Posteriormente, seriam simulados os falecimentos dessas "pessoas", quando, então, seriam requeridos os respectivos benefícios de pensão por morte perante o INSS.
Os investigados responderão perante a Justiça por formação de quadrilha e por reiterada prática de estelionato em detrimento da Previdência Social, crimes com penas que ultrapassam dez anos de prisão. ( Metro 1 )

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad