PF apreende quadros no apartamento de Lúcio Vieira Lima em Salvador - Luciano Reis Notícias
PF apreende quadros no apartamento de Lúcio Vieira Lima em Salvador

PF apreende quadros no apartamento de Lúcio Vieira Lima em Salvador

Share This
Resultado de imagem para Lúcio Vieira Lima

APolícia Federal (PF) fez buscas e apreensões no gabinete do deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB), e em endereços residenciais dele em Brasília e Salvador, na segunda-feira (16). Foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão, dois em Brasília — no apartamento funcional do parlamentar e em seu gabinete na Câmara dos Deputados — e dois em Salvador — na casa de Lúcio, vizinha à de Geddel, e na de Brandão.
Depois de quatro horas de trabalho, policiais federais deixaram o gabinete dele na Câmara Federal, por volta das 10h45 (horário de Brasília). Servidores do Congresso Nacional que viram os policiais federais deixando o prédio disseram que eles levavam malas e malotes com material apreendido. Mesmo depois da saída dos policiais federais, o gabinete do parlamentar permanece fechado. 
Na capital baiana, de acordo com a Coluna do Estadão, a PF apreendeu quadros no apartamento do parlamentar durante ação de busca, no bairro do Chame Chame. Os agentes chegaram a se encontrar com Lúcio na capital baiana, mas, como ele não foi alvo de condução coercitiva e nem de pedido de prisão, não foi levado para prestar depoimento.
Entre os materiais levados pelos policiais nos quatro endereços estão documentos, telefones e computadores. Foi a primeira ação que atinge um parlamentar na gestão da nova procuradora-geral da República, Raquel Dodge.
Os procuradores se basearam em quatro indícios para pedir as buscas. Em primeiro lugar, as digitais do secretário parlamentar lotado no gabinete de Lúcio achadas no apartamento onde estava o dinheiro. Brandão é vinculado à Câmara desde 2010 e tem salário de R$ 14,3 mil, segundo informações do Portal de Transparência.
Outras evidências apontadas pela Procuradoria são os depoimentos concedidos por Sílvio Silveira, dono do apartamento e sócio da construtora que fez o prédio, e de Patrícia Santos Queiros, administradora do condomínio onde fica o imóvel. Eles prestaram esclarecimentos à Polícia Federal em 5 de setembro. ( Luciano Reis & Bnews )

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

TESTE MONERO Luciano Reis Noticias