Rui disse esperar que Bolsonaro tenha respeito com os estados federados - Luciano Reis Notícias
Rui disse esperar que Bolsonaro tenha respeito com os estados federados

Rui disse esperar que Bolsonaro tenha respeito com os estados federados

Share This
governador Rui Costa (PT), que até então utilizava de discurso mais ponderado em relação à sua expectativa quanto ao novo governo de Jair Bolsonaro (PSL), disse esperar que o capitão da reserva tenha respeito com os estados federados e seja profissional com todos os governadores. 
Dando brechas de que não pretende fazer um terceiro turno com o adversário eleito, o líder petista frisou que a sua esperança é que a Bahia tenha “a melhor relação possível” com o capitão da reserva. Rui assegurou ainda, que marcará presença em todas as reuniões convocadas pelo novo presidente com os gestores estaduais.
No último dia 21, governadores do Nordeste, com pedido de interlocução direta com o novo líder da nação, redigiram e entregaram uma carta à interlocutores de Bolsonaro neste sentido.  
Em seis tópicos, houve a reivindicação da celebração de um pacto nacional de segurança pública e foi esboçada também preocupação com a diminuição do contingente do Programa Mais Médicos.  
Para a Bahia, conforme publicou em suas redes sociais, Rui pediu prioridade para o pagamento de débitos federais em obras estruturantes e citou que somente para o metrô a União falta repassar R$ 180 milhões.
“Não deixamos essa e outras obras federais porque arcamos com recursos próprios, mas vai ficando uma situação quase que insuportável suprir todas as ausências”, revelou na ocasião, reforçando que “a unidade dos estados nordestinos é essencial para a busca de soluções para o desenvolvimento da região”. 
Além dessa carta, no dia 14 de dezembro, quando Rui estava em viagem internacional e o governador de Piauí, Wellington Dias (PT), coordenador do Fórum dos Governadores do Nordeste e correligionário de Rui Costa, foi o único representante da região em encontro de gestores com o presidente eleito, o vice-governador da Bahia, João Leão (PP) marcou presença representando o gestor da Bahia.
O Nordeste foi a única região onde Bolsonaro foi superado em número de votos pelo então adversário no segundo turno da corrida eleitoral, Fernando Haddad (PT). Na região, entre os nove governadores eleitos, sete são filiados a partidos adversários do capitão reformado. Além do PT do qual Rui Costa é filiado, os gestores são de partidos como PSB e PCdoB. ( Luciano Reis & Bnews )

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

TESTE MONERO Luciano Reis Noticias