ALAGOINHAS

ALAGOINHAS

Alagoinhas: Prefeitura lança projeto social que vai beneficiar mais de 1200 famílias

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

/ by REDAÇÃO

Foto: Roberto Fonseca
Um grande evento, que reuniu mais de 2 mil pessoas, marcou, na noite desta sexta-feira (08), o lançamento do Projeto de Trabalho Social (PTS) no Conjunto Residencial Urupiara, do programa do Governo Federal Minha Casa Minha Vida.Promovido pela Secretaria de Assistência Social (SEMAS), o encontro teve como objetivo, apresentar as etapas e ações do projeto social que será desenvolvido pela Fundação Antônio Almeida e Silva (FUNDAL), empresa vencedora da licitação realizada pela Prefeitura, para promover a cidadania e oportunizar capacitação e renda às famílias beneficiadas.

Foto: Roberto Fonseca
Negligenciado pela gestão anterior, o Projeto de Trabalho Social é um componente essencial da política habitacional a ser desenvolvida junto aos beneficiários do Programa Minha Casa Minha Vida, desde a etapa da construção do empreendimento, conforme estabelecem as regras do convênio firmado com a instituição financiadora.Para evitar a perda dos recursos na ordem de R$ 1,5 mi destinados a este PTS, no início de 2017, a Secretaria de Assistência Social, em caráter de urgência, reformulou o projeto e garantiu a sua execução.

Foto: Roberto Fonseca
O Projeto de Trabalho Social do Urupirara será desenvolvido por meio de um conjunto de ações de natureza socioeducativa, adequadas à realidade socioeconômica e cultural dos cerca de 4.500 moradores do conjunto. Para a construção do documento, a SEMAS realizou diversas reuniões com a então recente formada Associação de Moradores, nas quais, pela primeira vez, os anseios e necessidades das famílias foram ouvidos.
Assim, no período de nove meses, o PTS  vai oferecer vagas para cursos de Operador de Empilhadeira, Eletricista, Cabelereiro, Manicure, Informática, Artesanato, Noções de Higiene Educação Sanitária e Ambiental, Plantões  de atualização no CADÚNICO, oficinas de empreendedorismo, capoeira, teatro pra jovens e crianças, futebol, atividade física e corporal, orientações sobre a utilização dos imóveis e equipamentos comunitários, apoio na adesão de moradores  à Associação, Gincana Social, Feira da Cidadania, Cinema na Praça, entre outros.

Foto: Roberto Fonseca
Visando ampliar o raio de atendimento às necessidades socioassistenciais das famílias, para a execução das atividades, o projeto também prevê parcerias com escolas, universidades, associações, sindicatos, hotéis e outras empresas do município. “O cerne do projeto vai ser a valorização do comunidade, do entorno, a organização comunitária, de como bem ocupar este imóvel e, principalmente, qualificar através de cursos e oficinas para uma melhor inserção no mercado de trabalho”, sintetizou Marco Antônio dos Santos,  coordenador da Fundal.  “Vindo esses cursos, nós vamos poder aprender e trabalhar dentro das nossas próprias casas e ao mesmo tempo, cuidar dos filhos”, disse a moradora Larissa dos Santos, que está animada com o curso de Cabelereira. Para Vanderley Lima, pai de dois filhos, o projeto vai mudar a realidade de toda sua família, já que terá a oportunidade de fazer o curso de Eletricista. “Além disso, o projeto vai ser bom porque vai ensinar a cuidar melhor dos  imóveis e a conviver melhor em comunidade”, afirmou Vanderley.

Foto: Roberto Fonseca
“Desde a entrega do conjunto há dois anos, a prefeitura tem andado de mãos dadas com a associação, sempre atendendo com agilidade às nossas reivindicações. Recentemente, a quadra ganhou um banho de luz, outra linha de ônibus foi disponibilizada e logo teremos pontos de coletivos cobertos e uma creche”, conta o presidente da Associação de Moradores, Sinval Almeida. “E nesse projeto, a prefeitura está mais uma vez de parabéns, porque tudo foi feito através de consulta aos moradores, que puderam opinar e votar nas reuniões”, conta  presidente da Associação dos Moradores do Urupiara”, destaca Sinval.

Foto: Roberto Fonseca
O lançamento contou a presença da secretária de Cultura, Esporte e Turismo (SECET) e vice-prefeita, Iraci Gama, representando o prefeito Joaquim Neto, que estava em Sobral, no Ceará, para o Seminário Nacional do Programa Educar Pra Valer.Para a vice- prefeita, esta é uma ação que gera desenvolvimento, renda e emprego para a população da área atendida. ” Só temos a agradecer à SEMAS e à Fundal pela disposição de ir em frente com este projeto, que vai contribuir para o exercício da cidadania, estimular o empreendedorismo e a participação comunitária”, afirmou Iraci Gama.

Foto: Roberto Fonseca
“Com um olhar amplo e inclusivo, o Trabalho Social estimula a organização da população e a gestão comunitária dos espaços comuns, na perspectiva de contribuir com a harmonia entre os moradores, a melhoria da qualidade de vida das famílias beneficiárias e a sustentabilidade dos empreendimentos”, afirmou o secretário de Assistência Social, Alfredo Menezes, que na oportunidade, agradeceu ao SAAE pelo pronto atendimento nos serviços de abastecimento e tratamento de água no conjunto.

Foto: Roberto Fonseca
Participaram do evento, o presidente da Fundal, Antônio Almeida Silva, o major Luís Cláudio Matos, representantes da Coordenação da Habitação, dos demais setores da Secretaria de Assistência Social e secretariado. ( SECOM )



Foto: Roberto Fonseca

Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
© all rights reserved
Desenvolvimento by Agência Ideia...