ALAGOINHAS

ALAGOINHAS

Prefeitura promove triagem para a realização de cirurgias de catarata em Alagoinhas

sábado, 18 de maio de 2019

/ by REDAÇÃO
Foto: Roberto Fonseca/Secom
“Eu já tinha miopia, agora, com esse problema, de catarata, fica tudo parecendo que tem uma neblina. Sinto dificuldade com a visão clara. Vai ser importante para mim e para todos os outros que estão com esse problema. É importante aproveitar essa oportunidade, com esse mutirão”, revelou Valquíria Serra Santos, de 65 anos – a 1ª, entre uma fila de centenas de pessoas que passaram pela triagem nesta sexta-feira (17), na Santa Casa de Misericórdia, para as cirurgias eletivas que serão realizadas no próximo dia 1° de junho, em Alagoinhas.
O atendimento oftalmológico começou logo cedo. Às 7h, os portões foram abertos e a equipe de saúde deu início aos procedimentos avaliativos.

“Primeiro, o usuário passa pela verificação da pressão ocular. Depois, passa por dilatação de pupila, duas vezes. Em seguida, os pacientes com catarata que estiverem aptos fazem exames e saem com o exame de sangue pré-operatório já agendado para a volta no dia 24, quando os pacientes que passarem pela triagem farão nova consulta com o especialista”, explicou Joyce Andrade, enfermeira da Santa Casa.
Segundo a secretária municipal de saúde, Rosania Rabelo, responsável pela iniciativa, a retomada das cirurgias eletivas, nesta primeira etapa, chega para abarcar uma demanda reprimida e garantir melhores condições aos pacientes de Alagoinhas.

“Com essa nova pactuação, de 2019, realizaremos as cirurgias oftalmológicas, inicialmente, de catarata, através da prestação de serviços da Santa Casa de Misericórdia e, posteriormente, também outras cirurgias eletivas por meio da portaria. Isso significa um grande salto no atendimento, porque os nossos pacientes não precisarão se deslocar a municípios pactuados para fazer o procedimento. Cheguei aqui, vi a fila, logo cedo, e senti o quanto a nossa população clama por atendimento. É com foco em assegurar que os serviços de saúde cheguem com qualidade a esses usuários que temos trabalhado”, enfatizou a gestora da pasta, Rosania Rabelo.

Do lado de quem ansiava pela realização do procedimento de forma gratuita no município, a avaliação foi positiva, apesar das filas enfrentadas. “Tô achando bonito, minha filha, esse mutirão. Tá bom, graças a Deus. Fiquei sabendo através do celular. Já estou com a catarata amarela. Esse olho está muito ruim. Com fé em Deus, acredito que vai ser tudo bom por aqui”, comentou Rosália Maria da Silva.
Rosângela Ventura, de 58 anos, também passou pelo atendimento nesta sexta-feira (17). “Já fiz a cirurgia do olho esquerdo, mas ficou faltando a do olho direito. Eu sou diabética e fiz os exames, descobri que estava com catarata. Fiquei sabendo pelo rádio desse mutirão e a agente de saúde foi lá em casa me avisar, aí eu fui ao posto pegar a ficha de encaminhamento e cheguei bem cedo”, relatou.
Os casos de Valquíria, Rosália e Rosângela não são isolados. De acordo com a Sociedade Brasileira de Oftalmologia, a catarata é a principal causa de cegueira reversível entre a população e, no Brasil, estima-se que 450 mil cirurgias de catarata sejam realizadas por ano, segundo dados do Ministério da Saúde.

Em Alagoinhas, as dificuldades dos pacientes que passaram pela triagem têm data certa para acabar: compreendendo o papel decisivo do atendimento oftalmológico para as condições de saúde ocular da população, a Prefeitura se mobilizou e as cirurgias eletivas de catarata serão realizadas no dia 1° de junho.
Antes disso, porém, os usuários ainda passam por uma nova consulta para avaliação dos exames pré-operatórios no dia 24 de maio.

“A gente inicia esse nova fase de Alagoinhas com as cirurgias de catarata, mas a população pode esperar muito mais. É só a primeira etapa”, garantiu a secretária de saúde, Rosania Rabelo.

A Secretaria Municipal de Saúde informou que outras cirurgias eletivas, como hernioplastia, histerectomia total, laqueadura tubária e miomectomia também serão realizadas com a pactuação. A previsão é de que os procedimentos sejam disponibilizados já nos próximos meses não apenas para o cidadão de Alagoinhas, mas contemplando também pacientes da macrorregião. O prefeito Joaquim Neto acompanhou de perto a ação.


Da Redação- Luciano Reis Notícias, com informações da Secom

Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
© all rights reserved
Desenvolvimento by Agência Ideia...