ALAGOINHAS

ALAGOINHAS

Com morte de empresário, Iuri Sheik deve passar a responder por homicídio; relembre o caso

quarta-feira, 26 de junho de 2019

/ by REDAÇÃO
[Com morte de empresário, Iuri Sheik deve passar a responder por homicídio; relembre o caso]

Com prisão temporária decretada pela Justiça por tentativa de homicídio, agora Iuri Sheik pode passar a responder de fato por homicídio, caso seja realmente comprovado o envolvimento dele no caso. Isso porque nesta quarta-feira (26), o empresário William Oliveira, vítima dos disparos efetuados pelo digital influencer, no último domingo (23), em Santo Antônio de Jesus, não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital Regional da cidade, onde estava internado há três dias.
De acordo com as investigações da Polícia Civil, o crime teria sido cometido após uma confusão pelo fato do empresário ter recusado o cumprimento do acusado. Segundo informações de testemunhas, depois do desentendimento, Iuri teria ido até o seu carro, pego uma arma e efetuado os disparos, fugindo em seguida.
Sem se apresentar para prestar esclarecimentos, ele teve prisão decretada pela Justiça no dia seguinteao ocorrido e passou a ser procurado pela polícia. Em seu perfil oficial do Instagram, onde possui milhares de seguidores, o digital influencer apareceu supostamente chorando e garantindo que iria se apresentar para dar sua versão dos fatos, o que não aconteceu.
Em meio à procura da polícia e o desaparecimento do acusado, um vídeo passou a circular nas redes sociais, mostrando outra confusão em que Iuri teria se envolvido um dia antes do crime. Nas imagens, ele aparece discutindo com seguranças de um camarote de uma festa em Santo Antônio de Jesus. A briga teria motivado o prefeito da cidade, Rogério Andrade, convidá-lo para um café na manhã seguinte, horas antes do fato que vitimou fatalmente o ex-empresário da Black Style.
A relação entre o gestor municipal e Iuri Sheik também ficou polemizada após versões desencontradas, onde o digital influencer aparece em um vídeo afirmando que foi convidado para cidade pelo prefeito, o que foi negado pela prefeitura posteriormente.
Mas, nos últimos três dias, as polêmicas em SAJ não foram as únicas protagonizadas por Iuri. Em meio às brigas e o crime, agora de homicídio, foram reveladas também outros processos, sendo um deles onde a Justiça determina apreensão do veículo do acusado por atraso de pagamento de consórcio e acusação de golpe em empresa de táxi aéreo.
Nesta terça-feira (25), a defesa de Iuri Sheik chegou a declarar que não sabia se o empresário se entregaria à polícia. “Ainda não encontramos Iuri. Também não sabemos se ele se entregará hoje. Iremos olhar a decisão que pediu a prisão dele para saber quais serão os nossos próximos passos". Com a confirmação da morte da vítima, nenhum comunicado dos defensores de Iuri foi divulgado. ( Luciano Reis & Bnews )

Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
© all rights reserved
Desenvolvimento by Agência Ideia...