ALAGOINHAS

ALAGOINHAS

MP determina que mais de 160 médicos deixem postos de trabalho na Bahia

domingo, 2 de junho de 2019

/ by REDAÇÃO
Foto: Reprodução/ Correio
Mais de 160 médicos devem deixar seus postos de trabalho em hospitais e instituições de saúde ligados à Secretaria Estadual de Saúde (Sesab). O desligamento é uma determinação do Ministério Público da Bahia (MP-BA) e tem como objetivo regularizar a situação de profissionais que mantêm um duplo vínculo com o Estado.
Esses postos de trabalho são os plantões dados pelos profissionais. A promotora Rita Tourinho, responsável pelo inquérito civil que trata do assunto desde 2013, explicou que “existem profissionais que são concursados e que também são sócios ou administram pessoas jurídicas que têm contratos com o Estado”. Esse tipo de prática, segundo a promotora, é ilegal. Sendo assim, o MP determinou que todos os profissionais deixassem de ter o vínculo duplo até esta sexta-feira (31). 




Da Redação- Luciano Reis Notícias, com informações do Correio.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
© all rights reserved
Desenvolvimento by Agência Ideia...