Rádios suspendem músicas do Dj Ivis na programação após agressões a ex-mulher

Brasil
Emissoras de rádio do Ceará estão anunciando a retirada das músicas do DJ Ivis da programação, após a divulgação dos vídeos onde ele aparece agredindo a ex-mulher, Pamella Holanda, em Fortaleza. O caso foi revelado pela vítima no último domingo (11).
Vídeos gravados por câmeras de segurança interna mostram DJ Ivis agredindo a ex-mulher na frente da filha de nove meses, da mãe de Pamella Holanda e de outro homem.
A FM 93, do Sistema Verdes Mares de Comunicação — afiliado do Grupo Globo no Ceará — publicou que é contra todo tipo de violência contra a mulher, seja física, verbal ou psicológica, e não compactua com esse tipo de comportamento.
Foto: Reprodução
“Desta forma, em virtude da agressão cometida pelo DJ Ivis contra a esposa Pamella Holanda, nós não iremos mais reproduzir nenhuma música dele em nossa programação. Esperamos que justiça seja feita por esta mulher, a filha dela e por todas as que sofrem violência doméstica”, afirmou a emissora em nota.
As rádios do Grupo Cidade de Comunicação, como Rádio Cidade, Jovem Pan Fortaleza e FM 89 também emitiram posicionamento contra DJ Ivis. “Informamos que, devido aos atos de violência cometidos pelo cantor e compositor DJ Ivis contra a ex-companheira Pamella Holanda, nós do Grupo Cidade de Comunicação retiramos os hits do artista da programação musical de nossas rádios”, publicaram em nota.
A Rádio FM 91.1, da cidade de Tauá, do Sistema Sinal de Comunicação, também manifestou o repúdio. “Ocorre que não se justifica a violência e a Sinal, em hipótese alguma, compactuará com esse tipo de atitude, portanto a partir de hoje tira da programação musical da Rádio Sinal todas as músicas do cantor em questão”, disse a emissora.
O posicionamento contrário também foi divulgado pela Rádio Plus FM, Grupo Cearasat de Comunicação.
A emissora “reafirma que não compactua, de forma alguma, com qualquer tipo de violência contra a mulher seja ela física, psicológica, sexual ou patrimonial”. “E é por isso que, em respeito a Pamella Holanda, assim como todas as mulheres vítimas de violência, a Rede Plus FM anuncia a retirada de todas as músicas que contam com a participação do agressor, DJ Ivis, da nossa programação”, informou.
Nas imagens divulgadas por Pamella Holanda, não é possível identificar os dias em que as agressões aconteceram. A vítima compartilhou as imagens em rede social neste domingo (11).
Uma das pessoas que presenciam as agressões é um homem chamado Charles, que, de acordo com Ivis, foi trazido da Paraíba para Fortaleza para ajudar o artista. Ainda não há confirmação se Charles é amigo ou apenas funcionário de DJ Ivis.
Emissoras de outros estados também tiveram a mesma iniciativa, um exemplo é a Rádio Metropolitana FM de São Paulo que publicou um vídeo em suas redes sociais informando que a mesma não executa musicas produzidas pelo DJ.